Escolha uma Página

Basta vontade para fazer alguém dar o primeiro passo. Mas é preciso motivação para continuar na caminhada. Por isso tantas empresas buscam desenvolver equipes cada vez mais motivadas: para que ninguém desista da jornada.

Esse caminho a ser percorrido diariamente pelas empresas requer uma boa dose de motivação para manter todos entusiasmados e perseverantes em seus objetivos. E isso não é nada fácil, como mostrou um estudo feito pela Gallup, intitulado “State of the Global Workplace”. Na pesquisa, 62% dos entrevistados brasileiros disseram não estar engajados em seus empregos atuais.

Outro estudo feito pelo Instituto Locomotiva revelou que 56% dos trabalhadores com carteira assinada estão insatisfeitos no seu emprego atual. São mais de 18 milhões de pessoas que não estão felizes com o que estão fazendo!

Será que no seu restaurante se encontram algumas dessas pessoas que estão descontentes com seus empregos? E se houver isso em sua equipe, como reverter esta situação? É possível fazer um funcionário descontente voltar a ter a motivação necessária para o sucesso do seu negócio? Como estimular e nutrir esse comportamento?

Como estimular e manter a motivação em sua equipe

Primeiro, tenha em mente que a motivação deve ser constante, portanto, as ações devem ser contínuas. Não adianta apenas mudar a forma de agir, é preciso mudar as atitudes e a forma de pensar, tanto do gestor, quanto de suas equipes. Manter a equipe engajada deve ser um objetivo diário!

Uma pesquisa realizada pela Universidade de Harvard garante que funcionários desmotivados rendem apenas de 20 a 30% de sua capacidade de trabalho, enquanto os motivados renderiam de 80 a 90%.

O investimento em motivação assegura não apenas uma produtividade maior, mas também diminuição dos gastos com turnover, por exemplo. Dessa forma todo o ecossistema da sua empresa começa a funcionar muito melhor.

Mas, pra tornar isso mais fácil, vamos te dar algumas dicas práticas para plantar as sementes da motivação em sua equipe.

Sempre cumpra com suas palavras e honre os acordos com seus funcionários

Não adianta inventar mil estratégias se sua empresa não paga em dia e não honra os acordos firmados com seus funcionários. Por exemplo, quando alguém deixa de receber seu salário, essa pessoa fica com medo das dívidas, perde a estabilidade, se estressa e isso reflete no ambiente de trabalho. Jamais atrase pagamentos, nem tente ludibriar seus colaboradores.

Esse tipo de atitude pode minar a equipe e gerar um verdadeiro motim. Se você não valoriza e honra com seus compromissos, o profissional também deixará de cumprir seu papel.

Seja igualitário e justo com seus colaboradores

Trate todos com o mesmo respeito. Claro que precisa existir hierarquia, porém o gestor precisa mostrar que todos são iguais, que são respeitados, que também têm voz para opinar e tentar implementar melhorias, e que não existe preferência por um ou outro.

Quando a equipe começa a notar que uma pessoa é sempre privilegiada, aflora um sentimento de ciúme e injustiça. Dessa forma alguns podem parar de dar todo o seu potencial por achar que isso não trará reconhecimento.

Valorize e reconheça bons colaboradores

Além de ser igualitário e justo, você precisa também valorizar e reconhecer quem faz um bom trabalho, tanto para motivar quem o fez, como para incentivar que os outros tomem atitudes semelhantes.

Saiba elogiar os profissionais que se destacam. Bonificações também podem ser uma boa forma de premiar as boas práticas e gerar uma competição saudável em busca de melhores resultados.

Às vezes o reconhecimento pode ser público, em reuniões ou quadros de destaque, mas nesses casos esteja certo de que o resto da equipe concorda e confia em sua avaliação, para não se sentir injustiçada. Em privado você sempre pode demonstrar seu reconhecimento na boa performance de um funcionário livremente, oferecendo recompensas em dinheiro ou brindes, dentro dos limites da lei.

Seja organizado e defina metas

Se seu restaurante não tiver uma hierarquia definida, planos de cargos e salários, objetivos a médio e longo prazo, todos vão trabalhar sem propósito. Como diz aquele velha frase: “pra quem não sabe pra onde vai, qualquer caminho serve”.

Seja o capitão desse navio e deixe bem claro para onde estão navegando, dessa forma vai ser muito mais fácil vislumbrar aonde desejam chegar e, portanto, seu colaborador se sentirá muito mais motivado para dar o máximo.

Tenha um ambiente de trabalho agradável

Como você pretende manter seu colaborador motivado se seu restaurante é apertado, quente e todo desorganizado? Boa parte da motivação está relacionada ao ambiente de trabalho proporcionado. Portanto, invista na melhoria de suas instalações, na aquisição de boas ferramentas e crie um espaço que possa ser tão agradável quanto a própria casa do seu funcionário.

Inspire através do exemplo

Como dizia Sun Tzu: “lidere pelo exemplo, não pela força”. Liderar não tem nada a ver com dar ordens e sim, exemplos. Um bom líder sabe que é preciso, primeiro, mostrar o que ele quer que seja feito. Se quer o respeito em sua equipe, precisa mostrar respeito com todos. Se quer que a honestidade esteja presente, precisa evidenciar que é honesto em tudo que faz.

Para ser um bom líder você precisa também escutar seus subordinados e incentivá-los a buscar soluções para os problemas. É necessário evidenciar que eles são parte essencial para o sucesso da empresa.

Lembre-se: “um chefe diz ‘vai’, um verdadeiro líder diz ‘vamos’”.

Por fim, lembre-se do título deste artigo: “motivação é uma porta que se abre de dentro pra fora”. Ou seja, você, gestor ou dono de restaurante, precisa estar motivado e transbordar isso, enxergando todos que estão a sua volta!

É necessário que a mudança comece em você. Se você não está seguro dos rumos que deseja tomar, se não se sente feliz com o seu trabalho, dificilmente conseguirá incentivar sua equipe a manter o ânimo e o foco. Motive-se e todos a sua volta serão contagiados!

%d blogueiros gostam disto: